Big data e marketing: a importância da análise visual

O big data está se tornando um fator primordial no mundo do marketing, geralmente usado para tomar decisões e descobrir correlações entre eventos. Neste artigo escrito originalmente para o site inglês ExchangeWire, Kayla Matthews, especialista em marketing digital e branding, explica que, apesar disso, o uso inteligente e eficiente do big data ainda requer uma análise visual na interpretação dos resultados.

Tornou-se indispensável procurar novas maneiras de armazenar e indexar dados e, ao mesmo tempo, diferentes métodos de ajudar as pessoas a interpretá-los. O uso de recursos visuais para trazer contexto aos dados oferece várias vantagens, incluindo as seguintes:

Enfatizar aspectos valiosos

É difícil olhar números em uma planilha e entender seu significado. No entanto, o software de análise visual pode criar gráficos de barras, gráficos de pizza e outras representações baseadas em gráficos de dados que, de outra forma, seriam muito difíceis de se compreender.

Por exemplo, muitos profissionais de marketing confiam no big data ao responder perguntas relacionadas a clientes. Eles podem querer entender melhor como gerar leads ou aumentar o engajamento.

Alguns profissionais de marketing também dependem do big data para determinar os aspectos específicos sobre um site que desempenha um papel mais significativo na geração de vendas ou sobre quanto tempo os usuários costumam gastar navegando antes de comprar.

Em todos esses casos, uma estratégia simples, como separar grupos demográficos com cores diferentes em um gráfico, torna mais fácil para os espectadores acompanharem as diversas informações sem gerar confusão.

Economizar tempo ao entregar descobertas

Algumas pessoas – particularmente as do nível executivo – podem pedir que as equipes de marketing mergulhem no big data e cheguem a conclusões, apresentando-as da forma mais eficiente possível. Isso significa que nem sempre terão paciência para decifrar quantidades intimidadoras de dados. As estatísticas indicam que as pessoas processam dados visuais 60 mil vezes mais rápido do que somente texto.

Além disso, elas podem solicitar que os especialistas de marketing mostrem diferentes representações de dados em tempo real, o que é possível com plataformas de análise visual, mas nem sempre ao usar outras ferramentas.

Encontrar discrepâncias ao buscar tendências

Quando os profissionais de marketing avaliam as tendências apontadas pelo big data, muitas vezes procuram por discrepâncias – coisas dentro de um grupo que se desviam da norma esperada. Concentrar-se nelas e compreender sua prevalência é especialmente importante nos testes A / B ou ao lidar com amostras pequenas.

Felizmente, dados bem organizados podem ajudar na tomada de decisões, permitindo que os profissionais de marketing identifiquem os valores discrepantes, classifiquem o conteúdo rapidamente e cheguem a conclusões substanciais sobre como atingir as metas.

Fornecer recursos dinâmicos

Há casos particulares em que a análise visual é especialmente valiosa, como quando se olha para dados financeiros ou se avalia documentos. Interpretações visuais de dados agregam valor ao trabalhar com dados que podem ser alterados com frequência, como mapas de território de vendas, com recursos que mostram onde os clientes mais fiéis residem.

Os analistas apontam que é necessário pensar na análise visual como sendo semelhante ao software, o que significa que é fácil atualizá-la. Uma das razões pelas quais o big data é essencial para os profissionais de marketing é porque ele mostra como as coisas mudam com o tempo.

A análise visual deve refletir essas mudanças sendo dinâmica. Com isso, o tempo para tomar decisões geralmente diminuiu, isso porque as pessoas podem acessar recursos visuais que usam informações atualizadas e interatividade para aumentar a compreensão.

Ajudar as pessoas a absorver os fatos

Os insights que o big data entrega podem se tornar intimamente familiares para os profissionais de marketing que trabalham com dados todos os dias. No entanto, as pessoas que estão vendo os dados pela primeira vez, como pessoas de outras equipes assistindo a uma apresentação de marketing, podem se sentir inicialmente sobrecarregadas pelo conteúdo que estão recebendo. Além disso, algumas pessoas naturalmente entendem os dados baseados em imagens mais do que figuras e frases.

Nesses casos, é essencial ajudar as pessoas a terem acesso a insumos que podem ampliar o entendimento. A análise visual pode atingir esse objetivo não apenas aumentando a compreensão imediata e precisa, mas também promovendo a retenção a longo prazo.

A análise visual não deve ser negligenciada

Independentemente da frequência com que os profissionais de marketing trabalham com big data e com qual finalidade, a análise visual torna isso mais palatável. Portanto, eles devem priorizar incorporá-la em seus métodos de pesquisa de marketing.

Tags