45% das transações online no Brasil envolvem dois ou mais dispositivos; Abril e Neoway apresentam solução de big data

No giro de notícias da semana: estudo da Criteo revela que uma em cada quatro transações online no Brasil é originada em smartphone; Grupo Abril e a desenvolvedora Neoway apresentam solução de big data; Boo-box/ftpi tem nova CEO. 

Quase metade das transações online no Brasil envolve dois ou mais dispositivos

Em 2016, 45% das transações do varejo online no Brasil foram realizadas a partir de dois ou mais dispositivos, considerando a primeira visita ao site até a conclusão da compra. Das vendas finalizadas por desktop, 23% foram iniciadas pelo smartphone. Enquanto que das concluídas pelo telefone, 44% tiveram início via computador.

Quase um quarto de todas as compras online no Brasil já é feito via mobile, o que representa um crescimento anual de 26%. No geral, uma em cada quatro transações começou pelo smartphone.
Os dados compõem o relatório ‘O E-commerce na Era Cross-Device’, da Criteo. O mapeamento examinou 1,7 bilhão de transações online de mais de 3,3 mil empresas de e-commerce pelo mundo realizadas no ano passado.

Para o diretor da Criteo no Brasil, Fernando Tassinari, o comércio multidispositivos chegou para ficar, de modo que mensurar adequadamente a jornada de compra contribui para o aumento das conversões. A pesquisa indica que a análise voltada aos usuários na medição multidispositivos resultou taxas de conversão 1,5 vezes maior que os modelos tradicionais.

“Os varejistas que usam uma análise convencional, voltada para dispositivos e que não leva em conta o engajamento dos consumidores, podem perder oportunidades. As análises devem focar no usuário”, afirmou Tassinari.

Abril e Neoway apresentam solução de big data

Em parceria com a Neoway, desenvolvedora de soluções em business intelligence, o Grupo Abril lança o Dynamic Big Data, nova solução de processamento e análise de dados sobre consumidores. Voltada para os clientes do grupo, a ferramenta será utilizada para a elaboração de estratégias de análise do comportamento das audiências de suas revistas, sites e produtos.

Anteriormente, Abril já ofertava soluções a seus anunciantes a partir da solução Abril Big Data (ABD). Agora com o Dynamic Big Data, o veículo ganha acesso à 1.500 fontes de informação e dados comportamentais da Neoway, integrados ao potencial de dados do ABD.

A nova solução tem foco nos segmentos imobiliário, automotivo, decoração, turismo, varejo e financeiro. Com isso, será possível direcionar campanhas e outras ações específicas para consumidores.

E por falar no Grupo Abril, o presidente Wanter Longo anunciou Melina Konstadinidis Porce como nova diretora corporativa de marketing da empresa. A posição era ocupada anteriormente por Tiago Afonso, que deixa o grupo. A executiva já liderou agências no segmento de BTL, atuou nas áreas de comunicação e marketing de multinacionais como MSD e Natura. Melina também foi finalista do programa “O Aprendiz”, da Rede Record, do qual Walter Longo participou como conselheiro.

Boo-box/ftpi tem nova CEO

Em mais uma dança das cadeiras, a boo-box/ftpi anuncia Marina Cunha como nova CEO. A executiva deixa a operação comercial da Record TV em Brasília para comandar a operação da empresa brasileira de mídia digital em São Paulo.

A contratação ocorre cerca de um ano depois da compra da boo-box pela FTPI Digital, que deu origem à boo-box/ftpi. Especializada em mídia digital, Marina Cunha já atuou como gerente Comercial no escritório da FTPI em Brasília, entre 2008 e 2014.

Guga Mafra, até então CEO da boo-box/ftpi, se mantém sócio da empresa e se dedicará exclusivamente à expansão internacional, compondo o conselho. Desde o ano passado, a empresa abriu um escritório nos Estados Unidos e tem focado em trazer plataformas internacionais para o Brasil e também comercializar os veículos brasileiros para outros países. “A passagem de bastão para Marina dá à boo-box/ftpi as condições ideais para acelerar o crescimento no exterior”.

Comentários